Nav icon
Cult +

Série Explora os Bastidores do Assassinato de Gianni Versace

Postado por Alisson Prando / 6 February, 2018

Como Versace se tornou o homem com a ‘última palavra’ no mundo da Moda? Em sua nova temporada de ‘American Crime Story’, o deus da televisão norte-americana, Ryan Murphy, exibe o estilo de vida glamuroso do famoso estilista e toda a reviravolta em torno da sua morte na virada do século.

Em sua nova empreitada televisiva, o hyphenate Ryan Murphy, aposta em ‘American Crime Story: The Assassination of Gianni Versace’. Veterano e produtor de títulos como ‘Nip/Tuck’, ‘Glee’ e ‘American Horror Story’, Murphy aposta numa paisagem estético-política de um Estados Unidos onde gays ainda estão dentro do armário, são cercados de um mundo glamoroso, fashionista, pós-crise do HIV, onde o preconceito talvez possa até começar a diminuir, mas o ceticismo ainda é latente.

Gianni Versace

Na série, Gianni Versace é interpretado por Edgar Ramirez, já seu companheiro Antônio D’Amico é vivido por Ricky Martin

No centro da trama, estão Gianni Versace, famoso estilista que foi responsável por inserir as celebridades nas passarelas da moda e Andrew Cunanan, um jovem sociopata que matou quatro pessoas antes de assassinar Versace.

A importância de Versace para o universo da moda

Gianni Versace mudou para sempre as regras do mundo da moda: foi ele o responsável por colocar a moda no centro da cultura POP. Ele mudou como as pessoas pensavam sobre moda, e foi um dos primeiros estilistas a vestir as estrelas populares de sua época, como Madonna e a Princesa Diana. Antes mesmo do conceito de viral ser criado, em 1991, Gianne Versace colocou em sua passarela as modelos Naomi Campbell, Cindy Crawford, Linda Evangelista e Christy Turlington dublando o hit “Freedom” de George Michael.

Gianni Versace

O famoso squad de top models criado por Gianni Versace é lembrado na série

Curioso pensar que a lenda Versace é inseparável de sua trágica morte, e que antes de seu assassinato, ele tinha trazido elementos que causavam frissons nas pessoas – bebeu da cultura underground, usando pinos de segurança, grafites urbanos – em seus tapetes vermelhos e passarelas. Muito antes de Taylor Swift criar o #SquadGoals, o estilista italiano já havia percebido o poder de celebridades em conjunto em suas primeiras filas de desfiles.

Ele também é responsável por ser o primeiro designer a criar a cultura de “supermodelos”, reconhecendo os potenciais delas como ferramentas importantes na indústria da moda. Versace teve Prince e Bon Jovi em suas campanhas publicitárias, enquanto festejava com Lady Di, Elton John, Madonna, Bruce Springteen, Tupac e Sylvester Stallone. Um modus operandi que muitas vezes foi olhado como menor por seus contemporâneos, mas que hoje é replicado a exaustão por qualquer stylist que queira obter sucesso.

Gianni Versace

A moda dos anos 90 funciona como um efeito especial na segunda temporada de American Crime Story

Desde o início, Versace desafiou a visão do senso comum sobre moda. Seus vestidos não seguiam à risca as regras da alta costura. Na opinião de alguns críticos, havia sempre muito brilho, muita pele a mostra, muita sexualidade bruta. Seus projetos eram ambiciosos em sua construção e fabricação, sempre valorizando o corpo feminino. Desde sua morte, Donatella Versace, sua irmã mais nova trouxe seu estilo próprio para a marca, mas sempre permanecendo com as características de diversão, frescor e sensualidade, por colocar a moda no centro dos fatos. Moda é entretenimento. Versace assegurou que todos soubessem disso.

A Série ‘American Crime Story: The Assassination of Gianni Versace’

Na manhã de 15 de julho de 1997, o estilista Versace fez sua caminhada diária, comprou um jornal e retornou para sua mansão na praia de Miami. Ele nunca passou dos degraus da entrada, pois um jovem chamado Andrew Cunanan disparou dois tiros em sua cabeça. O chocante assassinato, o motivo e uma profunda análise nas vidas de ambos, vítima e assassino, se desenrolam ao longo de 10 episódios na segunda temporada da franquia da FX que segue a vencedora do Emmy por “O Povo Contra O.J. Simpson”. Além da série, o assassinato de Versace foi coberto pelo livro ‘Vulgar Favors’ da jornalista Maureen Orth.

Gianni Versace

A série usou as mesmas escadas da mansão onde Gianni Versace foi assassinado em 1997

O ELENCO

Para construir o universo de ‘American Crime Story: The Assassination of Gianni Versace’, Murphy contou com um elenco do mais alto escalão de Hollywood: é impossível tirar os olhos da performance de Penélope Cruz como Donatella Versace, irmão do estilista assassinado. A atriz anda como Donatella, fala como Donatella e se veste como Donatella. Sua performance é simplesmente estonteando. Destaque também para Darren Criss, aos 30 anos, encarando a sua atuação mais séria da carreira: interpretando Andrew Cunanan, o artista consegue realmente transpor a experiência da sociopatia e da psicopatia em seu olhar.

Gianni Versace

A atriz espanhola Penélope Cruz foi escolhida por Ryan Murphy para viver Donatella Versace

Ricky Martin tem papel de destaque como Antônio D’Amico, namorado de Versace com quem Donatella não tem uma boa relação – na verdade, em março de 1999, Donatella Versace teria declarado: “Meu relacionamento com D’Amico continua o mesmo que era quando Gianni estava vivo: eu o respeitava como namorado do meu irmão, mas nunca gostei dele como pessoa. Então nosso relacionamento permaneceu o mesmo”. Edgar Ramirez, famoso por atuar em ‘Joy’ e ‘The Girl on the Train’, ator venezuelano, interpreta um Gianni Versace charmoso, com aura de pureza e extrema sofisticação.

Gianni Versace

O jovem ator Darren Criss ganhou seu primeiro trabalho como protagonista interpretando o serial killer Andrew Cunanan

Versace e a Moda Masculina

A Versace é uma marca muito popular na cultura POP e industria do entretenimento, sendo uma preferida das celebridades quando o assunto é engajamento. Abaixo você pode conferir alguns momentos marcantes da marca em revistas, shows e ventos de moda:

Kanye West, 2011

Gianni Versace

Antes de ter sua própria marca, Yeezy, Kanye West fez aquilo que todos os fashion-geeks fazem: colaborou com grandes marcas. Em um dos desfiles de Victoria’s Secret, ele usou essa jaqueta da coleção H&M por Versace.

Zayn Malik, 2017

Gianni Versace

O ex-membro do One Direction colaborou com Versace numa coleção da marca Versus Versace. Ele foi o muso inspirador de Donatella Versace que criou peças baseadas em cultura rock’n’roll.

Prince, 1995

Gianni Versace

Fotografado por Avedon, a lenda do rock Prince posou com looks Versace para uma campanha. Os looks têm o espírito vanguardista, rebelde e clássico misturados, assim como a marca e o músico.

Elton John, 1995

Gianni Versace

Fotografado para a revista ‘Interview’ nos anos 90, Elton John vestiu os looks irreverentes feitos por Versace especialmente para ele.

Fotos: ®Reprodução

O que você achou?